Os principais resultados da Black Friday 2017

Os principais resultados da Black Friday 2017

Depois de tamanho esforço, de tanta preparação, de trabalhar arduamente, talvez até exaustivamente, não pense que agora é a hora de relaxar. Esse é o momento ideal para analisarmos os dados obtidos, avaliarmos os resultados e vermos onde erramos e onde acertamos, pois tudo isso nos ajudará a melhorar e a crescer ainda mais para o ano que vem.

E para apresentar os principais resultados da Black Friday 2017 para vocês, tomamos como base um estudo do e-commerce radar, que conta com dados de vendas de mais de 1000 lojas online de todos os portes e segmentos, garantindo o alto nível de confiança das informações.

 

1. Dispositivos móveis

Não é novidade para ninguém que a participação dos dispositivos móveis nas compras online tem aumentado ano após ano, e não foi diferente na Black Friday 2017. Se compararmos com a Black Friday do ano passado, houve um aumento de 40% em compras utilizando os mobiles, o que representou 32,5% do total de pedidos

Números BUBB Store: Quase 60% dos acessos nas lojas de nossos clientes foram através de dispositivos móveis, o que evidencia o pensamento mobile first que adotamos em nossos projetos.

 

2. O poder do Google

Esse também é um fator conhecido de todos nós. Cerca de 48% de todas as transações online aconteceram após uma busca no Google, sendo 31% pela origem patrocinada e 17% pela orgânica.

Números BUBB Store: Cerca de 19% dos acessos nas lojas de nossos clientes foram originados pela busca patrocinada do Google, enquanto 11,5% pela orgânica. Essa taxa menor do que a média nacional indica que nossos clientes são mais independentes dos mecanismos de busca, sendo muitas vezes procurados de forma direta.

 

3. Taxa de conversão x Abandono de carrinho

Se por um lado a taxa de conversão cresceu 0,3 pontos percentuais do ano passado para esse, passando de 2,4% para 2,7%, o número de carrinhos abandonados também foi maior. Mais de 81,3% dos carrinhos gerados no e-commerce brasileiro foram abandonados na Black Friday 2017, um aumento de 3% se comparado a 2016, o que mostra que ainda temos muitas oportunidades para melhorar.

Números BUBB Store: Nessa Black Friday a taxa de conversão média de nossos clientes foi de incríveis 3,37%, um número muito superior a média nacional, enquanto o abandono de carrinhos ficou em menos de 45%.

 

4. Número de pedidos

Em 2017 o aumento médio nas vendas online foi de 21% quando o comparamos com a Black Friday do ano passado, e mais impressionante ainda é pensar que isso representa cerca de 8 vezes mais do que um simples dia normal.

Números BUBB Store: A comparação entre os valores vendidos por nossos clientes na Black Friday de 2016 e na de 2017 pode ser considerada como o principal indicador do crescimento de nossas operações. Foram nada mais nada menos que 321% de aumento. Isso mesmo, trezentos e vinte e um porcento, 15 vezes maior do que a média nacional.

 

5. Ticket médio x Frete grátis

O aumento de 29,1% na média dos valores dos tickets médios da Black Friday desse ano, passando de R$343,50 em 2016 para R$442,40 em 2017, teve influência direta no aumento da oferta de frete grátis. 36,2% dos pedidos captados tiveram essa opção, representando um aumento de 3,3% em relação ao ano passado.

Números BUBB Store: Nessa Black Friday mais da metade de nossos clientes obtiveram uma média de R$473,00 em seus tickets médios, ou seja, 6,91% a mais do que a média nacional.

 

6. Setores que mais cresceram

O grande destaque ficou com o setor de alimentos e bebidas, que aumentou em 74% o número de pedidos. Eletroeletrônicos, farmácia e tabacaria (54%, 43% e 42%, respectivamente) também merecem ser citados. O crescimento médio foi de 22,5%, um número bastante expressivo e animador.

Números BUBB Store: Todos os nossos clientes, nos mais diversos setores, apresentaram um crescimento significativo, onde os grandes destaques foram o setor de tabacaria (que em um único dia vendeu mais de 70% do melhor valor mensal até então obtido) e o setor de cama, mesa e banho (com um aumento superior a 25% se comparado a Black Friday de 2016).

 

O que podemos concluir é que a Black Friday no e-commerce brasileiro permanece em um crescimento constante ao longo dos anos, e é cada vez mais necessária uma preparação antecipada e bem organizada para que se possa tirar o melhor proveito dessa data tão importante no calendário de qualquer lojista online. A Black Friday 2017 pode ter acabado, mas a de 2018 acabou de começar.

Gostou das informações? Tem alguma dúvida, sugestão ou comentário? Fale com a gente em [email protected] ou então ligue para 16 3341 8797, teremos o maior prazer em lhe atender.

Share

Lucas Colette

Fundador da Bubb Web Studio e Bubb.Store

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *